• A-
  • A
  • A+

ATA DE FUNDAÇÃO

Ata da Assembléia Geral de Fundação do 
Instituto Brasileiro de Gerontologia - IBGERON

Ao primeiro dia do mês de agosto de dois mil e sete, às dezenove horas e trinta minutos, na Rua Sete de Setembro, número novecentos e sessenta e sete, sala dezoito, Edifício Dona Guiomar, Blumenau – SC, foi realizada a Assembléia Geral de Fundação do Instituto Brasileiro de Gerontologia – IBGERON, com as presenças dos sócios fundadores: Creuza Maria Fleck, Ernesto Jacob Keim, Juliana da Silva Brandão, Maria do Horto Coimbra, Denise Van de Meene, Rosana Hahne, Ivo da Silva e Roberto Esmeraldino. Para compor a mesa diretiva da Assembléia Geral de Fundação do Instituto, foi indicado o Sr. Ernesto Jacob Keim para presidir a assembléia e a Sra. Rosana Hahne, para secretariar os trabalhos.

Em seguida o Sr. Ernesto Jacob Keim explanou os ideais, objetivos e metas que originaram a constituição do Instituto Brasileiro de Gerontologia - IBGERON com base na Lei Federal nº 9.790/99, de vinte e três de março de mil, novecentos e noventa e nove, para qualificar como organização da sociedade civil de interesse público – OSCIP, que tem por finalidade “Respeitar e valorizar o desenvolvimento do ser humano envelhecente, com foco na formação e difusão de conhecimentos geriátricos e gerontológicos, oferecendo suporte bio-psico-social, cultural e relacional”. Os objetivos com que o IBGERON celebra sua instalação, conforme rege seu Estatuto consiste em: Desenvolver atividades de assistência social aos idosos; Desenvolver atividades para integrar as ações sociais com treinamento e capacitação profissional; Integrar o setor governamental com a iniciativa privada; Elaborar programas de integração da fisioterapia, reabilitação, nutrição, psicologia e capacitação física; Organizar cursos, treinamentos e atualização profissional; Formar parceria com o setor empresarial; Organizar debates, feiras, exposições, seminários, congressos, palestras e eventos; Promover serviços voluntariados; Formar parcerias com universidades, faculdades e escolas técnicas para estágios, estudos e pesquisas; Montar núcleos de estudos e pesquisas da gerontologia; Desenvolver modelos experimentais de produção, comércio, emprego e crédito; Desenvolver programas especiais de cuidador do idoso; Organizar programa de apoio e desenvolvimento de equipamentos, materiais, instrumentos e normas para produtos voltados para terceira idade; Desenvolver atividades de formação e promoção da autonomia do idoso, numa perspectiva multidisciplinar; Viabilizar a organização de projetos de vida comprometidos com o bem-estar, a autonomia, felicidade e qualidade de vida do idoso; Oferecer subsídios teóricos e práticos sobre a área da gerontologia para a qualificação de serviços prestados ao segmento do idoso; Promover ações de formação de cuidador de idoso; Atuar como pólo agregador e fomentador de subsídios teóricos e práticos da área de Gerontologia; Ter o foco na dialética de materialidade, historicidade e espiritualidade; Montagem de centro de estudos e debates dos conhecimentos relacionados ao envelhecimento humano; Realizar a interface com diferentes setores profissionais; Defender a concretização da Política Nacional do Idoso e do Estatuto do Idoso em âmbito federal estadual e municipal. Na seqüência dos trabalhos foram discutidos alguns aspectos relevantes do Estatuto o qual foi aprovado pelos presentes.

Em seguida, procedeu-se a eleição da primeira diretoria do Conselho Administrativo e do Conselho Fiscal, conforme rege o Estatuto do IBGERON, Art. 69, “os cargos eletivos para conselho de administração e fiscal são exclusivos dos associados fundadores, efetivos e contribuinte pessoa física, com três anos ininterruptos de contribuição e que estejam em pleno gozo dos seus direitos”. Ficou acordado que a eleição seria com voto aberto. A seguir, o presidente consultou os presentes com direito de serem eleitos para organizar a lista dos candidatos que ficou constituída pelos seguintes sócios: A assembléia por aclamação elegeu os candidatos com unanimidade ficando constituída à primeira diretoria do IBGERON pelos seguintes sócios fundadores regularmente eleitos:

Presidente a Sra. Rosana Hahne, brasileira, casada, assistente social, gerontóloga, residente na rua Igarapé, nº 266, bairro Garcia, em Blumenau, SC, CEP 89.021-132, portadora da Carteira de Identidade nº 522274-5, SSP/SC e inscrita no CPF sob o nº 461.624.379-49,

para vicepresidente o Sr. Ernesto Jacob Keim, brasileiro, casado, professor universitário, Dr. em educação, residente na rua Lázio, nº 15, apto 53, bairro Vila Nova, em Blumenau, SC, CEP 89.035-038, portador da Carteira de Identidade nº 28673491-6, SSP/SP e inscrito no CPF sob o nº 106.593.747-49,

 para secretária a Sra. Maria do Horto Coimbra, brasileira, casada, psicóloga-clínica, psicopedagoga, residente na rua Lázio, nº 257, bairro Vila Nova, em Blumenau, SC, CEP 89.035-038,  portadora da Carteira de Identidade nº 2612407-6, SSP/SC e inscrita no CPF sob o nº 380.631.079-34,

 para tesoureira a Sra. Creuza Maria Fleck, brasileira, casada, pedagoga, gerontóloga e Mestre em educação, residente na rua Lazio, nº 15, apto 53, bairro Vila Nova, em Blumenau, SC, CEP 89.035-038, portadora da Carteira de Identidade nº 6006931858, SSP/RS e inscrita no CPF sob o nº 410.576.510-87

e para o Conselho Fiscal foram indicados como membros efetivos os seguintes sócios fundadores:  Juliana da Silva Brandão, brasileira, casada, professora universitária, Dra. em gerontologia biomédica, residente na rua Minas Gerais, nº 48, apto 103, Centro, em Blumenau, SC, CEP 89.036-040, portadora da Carteira de Identidade nº 4R2293385, SSP/SC e inscrita no CPF sob o nº 753.011.569-34,

Denise Van de Meene, brasileira, solteira, enfermeira, gerontóloga, residente na rua Teresópolis, nº 47, bairroItoupava Seca, em Blumenau, SC, CEP 89.030-110, portadora da Carteira de Identidade nº 3237818-1, SSP/SC e inscrita no CPF  sob o nº 902.194.739-00 e

 Ivo da Silva, Brasileiro, casado, professor universitário, Mestre em atividade física e saúde, residente na rua Minas Gerais, nº 48, apto 103, bairro Centro, em Blumenau, SC, CEP 89.036-040, portador da Carteira de Identidade nº 836.235-1, SSP/PR e  inscrito no CPF sob o nº 186.405.169-87, e

como primeiro suplente do Conselho Fiscal o sócio fundador Roberto Esmeraldino, brasileiro, solteiro, médico, residente e domiciliado na Rua Marechal Deodoro, nº 231, apto 1304, bairro Asilo, em Blumenau, SC, CEP 89.036-300, portador da Carteira de Identidade nº 3C 2617502, SSP/SC e inscrito no CPF sob o nº 770.145.709-78.  

Os membros do conselho de administração foram eleitos entre os associados fundadores, com pleno gozo dos seus direitos, com mandato de dois (2) anos, com direito a uma reeleição sucessiva. Encerrada a assembléia, o Sr. Ernesto Jacob Keim, agradeceu os trabalhos desenvolvidos e desejou sucesso para a primeira diretoria eleita. Nada mais tendo a discutir, foi encerrada a assembléia Geral de Fundação do Instituto Brasileiro de Gerontologia - IBGERON, sendo que, a presente ata foi lavrada por mim, Sra. Rosana Hahne e impressa em quatro vias de igual teor e conteúdo. 
Blumenau (SC), 1° de agosto de 2007. 
  
 Ernesto Jacob Keim                          Rosana Hahne 
        Presidente da Assembléia                 Secretária da Assembléia 

Membros eleitos: 
  
Primeiro Conselho de Administração Eleito   
    Presidente - Rosana Hahne                
Vice Presidente - Ernesto Jacob Keim 
   Secretária - Maria do Horto Coimbra                  
Tesoureiro – Creuza Maria Fleck 
             
Primeiro Conselho Fiscal Eleito  
           Titular: Ivo da Silva
Titular: Denise Van de Meene    
Titular: Juliana da Silva Brandão

Suplente: Roberto Esmeraldino
                                                                                  
                             
                

INSTITUTO BRASILEIRO DE GERONTOLOGIA - IBGERON


Rua Sete de Setembro, 967 - Ed. Dona Guiomar, sl 15 (47)30353362, Centro
Blumenau - SC - 89010-201


© IBGERON - Todos os direitos Reservados